terça-feira, 25 de julho de 2017

Projeto Karatê do Saber conquista 17 medalhas no Campeonato Baiano


Alunos do projeto Karatê do Saber, desenvolvido pela Base Comunitária de Segurança (BCS) de Fazenda Coutos, no Subúrbio Ferroviário de Salvador, conquistaram 17 medalhas (sete de ouro, quatro de prata e seis de bronze) no Campeonato Baiano, realizado na cidade de Dias D´Ávila. Os atletas vencedores são meninas e meninos que possuem entre nove e 21 anos.

 Foram oito medalhas na modalidade kata e nove na modalidade kumitê. A competição ocorreu no último fim de semana, sendo esta a quarta participação do projeto no campeonato.

 As aulas do Karatê do Saber acontecem às segundas, quartas e sextas-feiras, nos turnos matutino e vespertino, no Centro de Referência de Assistência Social (Cras), localizado próximo à BCS de Fazenda Coutos. Os soldados Renan Santos e Alisson Guimarães estão à frente da iniciativa.

 “No ano de 2012, nós iniciamos o projeto. O objetivo é trabalhar com esses jovens não apenas exercendo o policiamento comunitário, mas tirando-os da rua, ocupando o tempo e promovendo disciplina. Ou seja, nós buscamos dar um direcionamento a eles”, explica o soldado Renan.

 O projeto tem como foco as crianças e os jovens do bairro. Para o soldado Guimarães, o campeonato baiano representa “um momento único, em que os alunos têm a oportunidade de aplicar tudo aquilo que aprenderam durante os treinamentos”. Atualmente, 80 alunos participam do projeto em Fazenda Coutos.

Pioneiro no país, Conjunto Penal de Itabuna distribui kits de higiene com controle biométrico


O Conjunto Penal de Itabuna (CPI) está distribuindo kits de higiene pessoal e colchões controlados por um sistema de biometria para os internos que cumprem pena na unidade. O presídio itabunense é o primeiro do país com esse sistema. A iniciativa é do Governo do Estado, que faz a administração da unidade em sistema de cogestão com a empresa Socializa Brasil, como forma de assegurar a transparência em todas as ações que desenvolve. A primeira distribuição 100% controlada está sendo feita no presídio desde o dia 18 de julho.

 De acordo com o diretor do CPI, capitão PM Adriano Jácome, essa é uma forma de melhor atender ao princípio da transparência, uma vez que pelo antigo modelo, de controle por assinatura, há brechas para burlas, como troca de nomes, o que prejudica a universalização dos direitos e isonomia no tratamento da população carcerária.

 “Para nós, enquanto órgão de Estado, cumprir a Lei da Transparência em todos os aspectos é uma obrigação. Esse é o princípio que temos aplicado aqui, através da parceria com a empresa Socializa, que operacionaliza o sistema. Como agente fiscalizador, temos orgulho do pioneirismo e do cumprimento a esse preceito, tão caro à democracia, que é a transparência na execução das ações públicas”, observa o diretor Adriano Jácome.

 Compromisso

 Ao longo dessa semana, estão sendo distribuídos com certificação digital de identidade itens como colchões novos e produtos de higiene pessoal. Assim como na distribuição dos kits, o controle biométrico também é utilizado para o acesso de visitas dos internos na unidade prisional. Além disso, a entrega de materiais de trabalho e equipamentos de proteção individual (EPIs) aos colaboradores do CPI também serão auditados por biometria.

 O controle biométrico é elogiado pelos internos, a exemplo de J.G, que destaca o caráter de justiça que o novo sistema proporciona. “É importante, porque há um controle maior. Eu tenho cuidado com minhas coisas, mas nem todos são assim. Então, também cria um compromisso de nossa parte, de conservação, porque tudo fica documentado”.

Detran e PM reafirmam parceria pela segurança de trânsito

A iniciativa de associar a fiscalização viária ao trabalho de segurança preventiva tem contribuído para a proteção ao cidadão, em Salvador e municípios do interior do estado. É o que atesta o comando da operação 'Paz no Trânsito', uma ação conjunta do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) com a Polícia Militar.

 Na segunda-feira (24), o diretor-geral do Detran, Lúcio Gomes, e o comandante-geral da PM, coronel Anselmo Brandão, reafirmaram a parceria que resultou em mais de 51 mil abordagens da Lei Seca no primeiro semestre. A fiscalização de condutores e veículos é acompanhada da atuação de policiais em busca de armas, drogas e foragidos da Justiça, além de garantir a segurança dos agentes de trânsito.

 No período, dos 19.685 condutores submetidos ao teste do bafômetro, 1.195 se recusaram a soprar o aparelho e 225 estavam em estado de embriaguez. Foram registradas 6.838 autuações. “Essa parceria das forças de trânsito e segurança está consolidada e tem alcançado seu objetivo, que é salvar vidas, quando retira das ruas condutores infratores e combate a criminalidade", defendeu Gomes.

 Os militares que participam da operação são capacitados pelo Detran, por meio do ensino de técnicas de abordagens educativas e do preenchimento de autos de infração. Durante o encontro, ficou definido que a oferta de cursos será ampliada. “Precisamos ampliar a qualificação do nosso efetivo, um item importante nesse esforço conjunto das instituições. Por isso, solicitamos ao Detran que abra novas vagas para policiais na Escola Pública de Trânsito, o que foi prontamente atendido”, relatou o coronel Brandão.

Com atraso para obter licenças, Samarco volta a operar em 2018

Com as operações suspensas desde novembro de 2015, após o rompimento da Barragem de Fundão, em Mariana (MG), na maior tragédia ambiental do país, que causou a morte de 19 pessoas, a mineradora Samarco só retomará as atividades em 2018. A previsão inicial da companhia era retomar a produção no segundo semestre deste ano.

 Para voltar a operar, a Samarco, que tem como acionistas a Vale e a BHP Billiton, ainda precisa de duas licenças ambientais junto à Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais (Semad): uma de liberação da cava [buraco resultante de atividade mineradora] de Alegria Sul, no município de Ouro Preto (MG), que a companhia pretende utilizar como depósito de rejeitos ao retomar suas operações; e a aprovação do Licenciamento Operacional Corretivo (LOC), determinado pelo governo do estado, para revalidação das licenças de todo o Complexo de Germano, suspensas desde outubro de 2016.

 Contudo, mesmo após a obtenção dos documentos, a empresa calcula que precisará de, pelo menos, seis meses para realizar obras estruturais de engenharia para preparação da cava.

 De acordo com estudo sobre o impacto financeiro da paralisação da mineradora em 2017 encomendado à Tendência Consultoria Integrada, com a revisão dos prazos para a mineradora voltar a operar, deixarão de ser arrecadados no próximo ano R$ 989 milhões em impostos federais, estaduais e municipais. Além disso, cerca de 20 mil vagas diretas e indiretas de emprego estão em risco.

 Processos

 O processo para liberação da cava está em andamento, tendo sido realizadas, pela Semad, em dezembro do ano passado, duas audiências públicas, uma em Mariana e outra em Ouro Preto, para discutir o assunto. Em novembro, o Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) concedeu a anuência para a utilização da cava. No entanto, o licenciamento do governo mineiro é obrigatório. 

Já o segundo processo trata do chamado Licenciamento Operacional Corretivo (LOC). Esse processo depende da entrega, pela mineradora, de um Estudo e Relatório de Impacto Ambiental (EIA/Rima). A empresa diz que o documento passa por estudos internos e não tem prazo para ser entregue à Semad. 

De acordo com a assessoria de imprensa da Samarco, a finalização do estudo depende da anuência das prefeituras de cinco municípios que estão no entorno do complexo industrial da empresa. Quatro já concederam a anuência, menos o município de Santa Bárbara.

 Retorno

 A Samarco pretende retomar as operações com 60% de sua capacidade produtiva. A cava de Alegria Sul pode armazenar aproximadamente 17 milhões de metros cúbicos de rejeitos e não tem conexão física com a Barragem de Fundão, ambas no Complexo de Germano.

 De acordo com a proposta, a estrutura seria utilizada por dois anos e, nesse período, a mineradora se encarregaria de apresentar alternativas para os anos posteriores. Ao dar o seu aval à mineradora, o DNPM considerou que “a solução proposta é extremamente segura”.

 A intenção da Samarco é produzir aproximadamente 36,7 milhões de toneladas de pelotas de minério de ferro nos dois primeiros anos após a retomada.
Fonte: Agência Brasil

Pesquisa diz que a cada 16,8 segundos uma tentativa de fraude é aplicada no país

celular

A cada 16,8 segundos, uma tentativa de fraude é aplicada no país. Só de janeiro a maio, o Brasil acusou 782.244 tentativas de golpes. O segmento de telefonia foi o mais afetado no acumulado do ano, sendo responsável por 38,6% do total, com 301.956 ocorrências.

 Neste tipo de golpe, dados de consumidores são utilizados por criminosos para abertura de contas de celulares ou compra de aparelhos, por exemplo. Os dados são do Indicador Serasa Experian de Tentativas de Fraude e foram divulgados hoje (25), em São Paulo.

 Quando a fraude na telefonia funciona, ela serve como uma porta de entrada para os fraudadores aplicarem golpes de maior valor em outros setores da economia. Os golpistas costumam comprar telefones para ganharem um comprovante de residência e, assim, abrir contas em bancos para pegar talões de cheque e cartões de crédito e, ainda, fazer empréstimos bancários em nome de outras pessoas.

 O setor de Serviços vem em seguida no ranking de segmentos com mais tentativas de fraude identificadas de janeiro a maio deste ano: 233.092, representando 29,8% do total. Em terceiro lugar estão os bancos e as financeiras com 23,9% de participação e 187.203 tentativas. O quarto setor mais afetado pelas tentativas nos cinco primeiros meses do ano foi o varejo, com 47.452 tentativas e participação de 6,1%. Os demais segmentos representaram 1,6% do total.

 Em maio deste ano, 164.988 tentativas de fraude foram aplicadas em todos os segmentos, o que representa um aumento de 19,7% em relação a abril do mesmo ano, quando o indicador apontou 137.856 tentativas. Na comparação de maio deste ano em relação ao mesmo período de 2016, o crescimento nas tentativas foi de 12,3%.

 Golpes têm ambiente propício

 Segundo economistas da Serasa Experian, a volta gradativa do consumidor ao mercado de crédito após dois anos de recessão econômica pode estar estimulando os fraudadores a aplicar golpes, já que muitas vezes eles consideram os períodos de maior movimentação como ambiente propício.

 O Indicador Serasa Experian da Demanda do Consumidor por Crédito apontou crescimento de 2,1% no primeiro semestre deste ano, na comparação com o mesmo período do ano anterior, na quantidade de pessoas que buscou crédito no país.

 Segundo estudos da Serasa, basta perder um documento pessoal para dobrar a probabilidade de o cidadão ser vítima de um golpe, já que os dados pessoais de um consumidor são usados por terceiros para firmar negócios sob falsidade ideológica ou obter crédito sem a intenção de honrar os pagamentos.

 Para se prevenir, quem teve documento extraviado deve cadastrar um alerta gratuito na Serasa pelo www.serasaconsumidor.com.br/servicos-roubo-perda-de-documentos/, além de fazer um Boletim de Ocorrência numa delegacia policial. O registro ajuda a reduzir o risco e evita a dor de cabeça de ter dados pessoais utilizados por fraudadores.

 Perda ou roubo de documento

 Com o alerta, o serviço avisa às empresas que consultam seus produtos sobre a perda ou roubo do documento quando este for utilizado para abertura de conta em bancos, compra de bens e serviços, pagamentos etc. Assim, antes de efetuar a compra, por exemplo, estas empresas poderão tomar algumas atitudes preventivas, como solicitar outros tipos de documentos para comprovar a identidade, por exemplo.

 Outras ações podem ajudar o consumidor a se proteger das fraudes. Uma das dicas é não perder de vista seus documentos de identificação quando solicitados para protocolos de ingresso em determinados ambientes ou quaisquer negócios. Do mesmo modo, não deixar que atendentes de lojas e outros estabelecimentos levem seus cartões bancários para longe de sua presença sob a alegação de efetuar o pagamento.

 Também é necessário tomar cuidado ao digitar a senha do cartão de débito/crédito na hora de realizar pagamentos, principalmente na presença de desconhecidos. Outra dica é não informar os números dos seus documentos quando preencher cupons para participar de sorteios ou promoções de lojas.

 Nas compras por meio da internet a atenção deve ser ainda redobrada. Ao ingressar em um site, é importante verificar se há certificado de segurança. Para isso, basta checar se o http do endereço vem acompanhado de um “s” no final (https). Há ainda certificados que ativam um destaque em verde na barra do navegador.

 Outra dica é não fazer cadastros em sites que não sejam de confiança. Também tenha cuidado com sites que anunciam ofertas de emprego ou produtos por preços muito inferiores ao mercado. A Serasa ainda aconselha a não compartilhar dados pessoais nas redes sociais que podem ajudar os golpistas a se passar pelo consumidor, assim como manter atualizado o antivírus do computador, diminuindo os riscos de ter seus dados pessoais roubados por arquivos espiões.

 O consumidor ainda deve evitar realizar qualquer tipo de transação financeira utilizando computadores conectados em redes públicas de internet. Se isso não for possível, ao usar computadores compartilhados, é prudente verificar se fez o log off das suas contas (e-mail, internet banking, etc).

 Principais tentativas de golpe

 De acordo com o indicador, existem diversas formas de tentativas de golpe. Conheça as principais: 

Compra de celulares com documentos falsos ou roubados.

 Emissão de cartões de crédito: o golpista solicita um cartão de crédito usando uma identificação falsa ou roubada, deixando a conta para a vítima e o prejuízo para o emissor do cartão;

 Financiamento de eletrônicos: o golpista compra um bem eletrônico (TV, aparelho de som, celular etc.) usando uma identificação falsa ou roubada, deixando a conta para a vítima;

 Abertura de conta: golpista abre conta em um banco usando uma identificação falsa ou roubada, deixando a conta para a vítima. Neste caso, toda a cadeia de produtos oferecidos (cartões, cheques, empréstimos pré-aprovados) potencializa possível prejuízo às vítimas, aos bancos e ao comércio; 

Compra de automóveis: golpista compra o automóvel usando uma identificação falsa ou roubada, deixando a conta para a vítima.
Fonte: Agência Brasil

Inscrições para o Fies no segundo semestre começam hoje

As inscrições ao Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para o segundo semestre deste ano começam hoje (25). Serão oferecidas 75 mil novas vagas aos estudantes que procuram um financiamento para cursar o ensino superior em instituições de ensino privadas. O prazo para as inscrições vai até sexta-feira (28).

 As instituições e os cursos ofertados podem ser consultados na página eletrônica do Fies Seleção. A relação dos candidatos pré-selecionados será divulgada no dia 31 de julho, quando também será aberta a lista de espera. Os estudantes pré-selecionados deverão concluir a inscrição pelo Sistema Informatizado do Fies (SisFies), entre 1º de agosto e 8 de setembro.

 Mudanças

 Apesar das mudanças anunciadas no início do mês no Fies para 2018, neste semestre continuam valendo as regras atuais. Poderão se inscrever os estudantes que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) com média das notas igual ou superior a 450 pontos e nota na redação superior a zero. O candidato também precisa ter renda familiar mensal bruta per capita de até três salários mínimos.

 A partir de 2018, o Novo Fundo de Financiamento Estudantil será dividido em três modalidades. No total, o programa vai garantir 310 mil vagas, sendo que 100 mil serão ofertadas para estudantes com renda familiar per capita de até três salários mínimos a juro zero, incidindo a correção monetária.
Fonte: Agência Brasil

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Governo do Estado oficializa apoio à Festa da Boa Morte


Em ação conjunta, as secretarias do Turismo (Setur) e de Cultura (Secult) oficializaram, nesta segunda-feira (24), o apoio à Festa da Boa Morte, que acontece anualmente na primeira quinzena de agosto em Cachoeira, no Recôncavo Baiano. Os secretários José Alves (Setur) e Jorge Portugal (Secult) reuniram-se com o administrador do Centro Cultural da Boa Morte e organizador da festividade, Valmir Pereira, para assegurar apoio à festa.

 No encontro, José Alves destacou que a festa é uma das mais importantes da Bahia pela demonstração de força, perseverança e fé das mulheres da Irmandade da Boa Morte. “Os festejos celebram a libertação dos escravos. Atraem estrangeiros (europeus, africanos, norte-americanos) e centenas de jornalistas, além de operadores e agentes de viagens, lotando hotéis, pousadas, restaurantes e bares. Todos interessados em conhecer melhor a tradição e influência da cultura africana”.

 Sobre o protagonismo das mulheres, séculos atrás, o secretário Jorge Portugal lembrou do levante das irmanadas. “A Festa da Boa Morte é um grande exemplo de resistência dessas mulheres. Elas compunham uma sociedade que angariava fundos para alforriar negros escravizados na Bahia. Elas tiveram de fazer um tipo de sincretismo, pois não era possível dizer que eram pessoas do candomblé, mas sim pessoas que tinham a crença relacionada à fé católica. E foi dessa maneira que o povo negro se ergueu vencedor. Viva a Boa Morte!”, afirmou.

 O apoio das duas secretarias à Festa da Boa Morte será viabilizado por meio da Superintendência de Fomento ao Turismo (Bahiatursa) e pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac).

Saeb vai leiloar imóveis públicos avaliados em R$ 2,1 milhões

A Secretaria da Administração (Saeb) realiza, nesta terça-feira (25), o leilão de dois imóveis públicos, avaliados em R$ 2,1 milhões, conforme o edital 04/2017, publicado no Diário Oficial do Estado (DOE). Os arrematantes poderão efetuar o pagamento em até dez vezes. Os recursos serão totalmente revertidos para Fundo Financeiro da Previdência Social dos Servidores Estaduais (Funprev), como forma de reduzir o déficit previdenciário.

 Os imóveis públicos vão ser leiloados porque não estavam sendo utilizados pelo Estado. Serão apregoados uma casa em ruína, no município de Central, e uma área de 384 mil metros quadrados, em Ibotirama. O último imóvel é o lote com maior preço do leilão, avaliado em R$ 1,8 milhão.

 Para vender os bens, a Saeb promove o leilão no auditório Espaço Crescer, localizado no prédio da Saeb, na 2ª Avenida do Centro Administrativo da Bahia (CAB), número 200, em Salvador. O leiloeiro Antonio Romero Ferreira da Silva comanda o Leilão 04/2017, marcado para começar às 10h. O leilão será na modalidade maior oferta, com lance inicial a partir do valor da avaliação dos imóveis feitas pela Caixa Econômica Federal.

 Os interessados puderam visitar os imóveis por intermédio do leiloeiro oficial. Mais informações podem ser obtidas pelo site do leiloeiro, pelo e-mail romerosilva@leiloescostaesilva.com.br ou pelos telefones (71) 98171-9361, (71) 98739-5589 (Claro), (71) 99257-5751 e (71) 99924-5614.

Convênio reduzirá em 30% necropsias no Departamento de Polícia Técnica


As necropsias em casos de mortes naturais deixarão de ser realizadas pela Secretaria da Segurança Pública (SSP), por meio do Departamento de Polícia Técnica (DPT), e ficarão a cargo de patologistas da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab). Um convênio assinado nesta segunda-feira (24) promove a transferência que culminará na redução de 30% dos procedimentos feitos por peritos médicos-legistas.

 Uma sala no prédio do Instituto Médico Legal (IML) Nina Rodrigues foi cedida e abrigará a equipe de médicos da Sesab. "É um grande passo para desafogarmos o fluxo de exames de mortes naturais que sobrecarregavam as ações do DPT", ressaltou o secretário da Segurança Pública, Maurício Teles Barbosa.

 O secretário da Saúde, Fábio Vilas-Boas, explicou que “a importância do serviço reside no fato de que o esclarecimento das causas da morte de um paciente é fundamental para a definição das políticas de saúde, da implantação de medidas oportunas de vigilância às doenças, para a promoção de diagnósticos e para o acompanhamento de surtos ou casos isolados de doenças emergentes ou reemergentes”. Ele lembrou ainda que a investigação da causa mortis também contribui para o melhoramento do Sistema de Informações de Mortalidade, do Ministério da Saúde (MS).

 Já o diretor do DPT, Élson Jeffesson, contou que essa mudança era um pleito antigo dos peritos. "As mortes naturais nos demandavam mais tempo e meios para que chegássemos às causas do óbito. Esses casos atrasavam também as realizações das necropsias no casos envolvendo mortes violentas. 

O Serviço de Verificação de Óbito (SVO) será o responsável pela realização de necropsias em pessoas que morreram sem conhecimento da causa mortis ou com diagnóstico de moléstia não definida ou não identificada. A demanda do SVO será de instituições de saúde pública ou conveniadas com o Sistema Único de Saúde (SUS).

SAC Móvel inicia recadastramento biométrico do TRE em shopping

Nesta terça-feira (25), a carreta do SAC Móvel inicia atendimento no estacionamento do Salvador Norte Shopping, onde fica até o dia 11. O serviço, que funciona de segunda a sexta-feira, sempre de 8h às 17h30, é exclusivo para recadastramento biométrico do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Serão distribuídas 140 senhas por dia, sendo 40 delas para atendimento prioritário.

 Para ser atendido, o eleitor deve portar um documento oficial com foto, a exemplo de RG, CNH, carteira profissional, passaporte, carteira de reservista ou certificado de alistamento militar original, além de um comprovante de residência recente. Aqueles que tiveram os dados cadastrais alterados, por qualquer motivo, devem levar um documento comprobatório de alteração das informações.

 O recadastramento biométrico é obrigatório e tem como prazo máximo o dia 31 de janeiro de 2018. O objetivo do TRE-BA é atingir cerca de 3 milhões de eleitores identificados biometricamente, em todo o estado, até 2018. Estão obrigados a fazer o recadastramento todos os eleitores, inclusive aqueles cujo voto é facultativo (analfabetos, eleitores com idade entre 16 e 18 anos e os maiores de 70 anos de idade). O cidadão que não fizer o recadastramento dentro do prazo estabelecido pela Justiça Eleitoral terá o título cancelado.

 Outros locais para agendamentos estão disponíveis no site da Rede SAC, no aplicativo para celulares SAC Mobile e nos totens SAC Fácil, localizados nas unidades de atendimento. O recadastramento poderá ser feito também na Central de Atendimento ao Público (CAP) ou nos cartórios eleitorais, ambos instalados na sede do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), na 1ª Avenida do CAB. Para dúvidas, a Saeb disponibiliza os números 0800 071 5353 (telefone fixo) e 4020 5353 (telefone móvel).

Chocolat Bahia reúne 60 mil pessoas e gera R$ 10 milhões em negócios

Chocolat Bahia 2017 reúne 60 mil pessoas e gera R$ 10 milhões em negócios em Ilhéus

Iniciado há nove anos com 13 expositores e apenas uma marca de chocolate regional, o Festival Internacional do Chocolate e Cacau, encerrado no domingo (23) em Ilhéus, possui, atualmente, números expressivos: 80 expositores e 40 marcas de chocolates premium do sul da Bahia. O Chocolat Bahia 2017, que teve o apoio do Governo do Estado, também bateu recordes de público e de negócios. Cerca de 60 mil pessoas visitaram o Centro de Convenções, gerando um movimento de R$ 10 milhões.

 Um dos destaques do festival foi o lançamento, pelo Governo da Bahia, da Estrada do Chocolate, a primeira estrada temática do estado, que irá abranger os municípios de Ilhéus e Uruçuca. No roteiro, os turistas poderão conhecer a cultura do cacau e produção do chocolate, através de visitas a fazendas/fábricas de chocolate gourmet existentes ao longo da rodovia BA-262, com sítios históricos, rios, cachoeiras e áreas de preservação ambiental.

 “O resultado é totalmente positivo, com a rede hoteleira ocupada, milhares de pessoas visitando os estandes, ampliação dos espaços do pavilhão de feiras, o que impulsiona a economia. Estamos consolidando Ilhéus como a capital brasileira do Cacau e do Chocolate de Origem”, destacou o secretário estadual de Turismo da Bahia, José Alves.

 Além dos estandes para lançamento e comercialização de chocolates produzidos no sul da Bahia, o festival abriga eventos como o Fórum Brasileiro do Cacau e Chocolate, Cozinha Show, Cozinha Kids, Ateliê do Chocolate, Pavilhão da Economia Criativa e o Espaço Cultural do Cacau, com shows de artistas regionais, além de visitas a fazendas de cacau que fabricam chocolate.

 Novos negócios

 O produtor de cacau, Fernando Botelho, que investiu na elaboração de chocolates premium, disse que a cada ano, o festival ganha uma nova dimensão, com o surgimento de novas marcas e a expansão dos negócios, mostrando que o caminho é a verticalização da lavoura cacaueira. “Nosso chocolate foi lançado há três anos no festival e, além das vendas diretas durante o evento, captamos nossos negócios e nos consolidamos no mercado”, afirmou Cecília Gomes.

 O idealizador e coordenador do Festival Internacional do Cacau e do Chocolate, Marco Lessa, ressaltou que o apoio do Governo da Bahia tem sido fundamental, não apenas na realização do evento, mas na transformação de uma região que só produzia amêndoas e hoje produz chocolates finos, com alto valor agregado. “O festival não se limita aos quatro dias do evento, ele tem desdobramentos durante todo o ano, nos negócios, no surgimento e crescimento de marcas, no estímulo ao empreendedorismo e na divulgação da região cacaueira no Brasil e no exterior. Essa é uma plataforma de fomento, de geração de emprego e renda, de estímulo à produção, de esperança na retomada do desenvolvimento em bases sustentáveis”, finalizou.

Ceará vive epidemia de Chikungunya com quase 60 mil casos confirmados

O estado do Ceará vive uma epidemia de arboviroses (doenças transmitidas por mosquitos), sobretudo casos de chikungunya. A confirmação é da Secretaria de Saúde estadual que, no último boletim semanal, registrou a “ocorrência epidêmica de arboviroses, principalmente se consideradas as notificações de casos de chikungunya”. De acordo com os dados, o estado soma 58.957 casos da doença.

 Mais de 80% das cidades cearenses já registraram casos confirmados da doença, que levaram 51 pessoas à morte. As cidades de Acopiara, Beberibe, Caucaia, Maranguape, Morada Nova, Pacajus, Senador Pompeu e a capital Fortaleza concentram 40 óbitos por chikungunya.

 Desde o início do ano, foram notificados 103 mil casos da doença, dos quais 57% foram confirmados (58.957). Segundo a Secretaria de Saúde do Ceará, a “tendência crescente” de notificações gerou uma taxa de incidência de 1.099 casos para cada 100 mil habitantes. As principais vítimas são pessoas do sexo feminino, entre 20 e 59 anos.

Dengue e Zika

 Em relação à dengue, o Ceará registrou mais de 65 mil notificações em 2017. A secretaria identificou incidência acima do limite superior, chegando a 56 casos para cada 100 mil habitantes – maior pico do ano. Até o momento, 24,6% dos casos suspeitos foram confirmados, principalmente entre pessoas do sexo feminino e com idades entre 15 e 49 anos. A porcentagem equivale a pouco mais de 16 mil confirmações em todo o estado, entre os quais, 13 foram caracterizados como graves, levando 8 pessoas à morte.

 O vírus Zika já foi confirmado em 432 pessoas, também incidindo preferencialmente em mulheres entre 15 e 49 anos. O número de notificações da doença em gestantes chegou a 941, no entanto apenas 44 fora confirmados por análises de laboratório, nas cidades de Fortaleza, Brejo Santo, Icó, Independência e Caucaia.

 A atenção dos órgãos de saúde se intensifica em relação aos casos de Zika em gestantes, porque o vírus da doença é um dos responsáveis pela malformação de bebês durante a gestação. Após o nascimento, podem ser constatados casos de síndromes congênitas, como a microcefalia – malformação no crânio – hidranencefalia, Síndrome de Guillain-Barré, entre outras.

 As três arboviroses são causadas por diferentes vírus transmitidos pelo mosquito Aedes aegypt, que se reproduz em água parada, inclusive em ambientes residenciais. Por isso, a recomendação é que as caixas de água estejam sempre tampadas e que objetos que acumulem água da chuva estejam cobertos ou virados para baixo.

 Questionada sobre o motivo do aumento de casos de chikungunya no estado e sobre o que o governo estadual fará para lidar com o problema, a Secretaria de Saúde informou que vai divulgar nota sobre o assunto, mas não deu prazo.
Fonte: Agência Brasil

FMI rebaixa crescimento econômico da América Latina e Caribe

economia ilustração

O Fundo Monetário Internacional (FMI) rebaixou levemente o crescimento econômico da América Latina e Caribe para 2017 e 2018 e vinculou a recuperação da atividade econômica à saída de Brasil e Argentina da recessão.

 É o que indica a atualização que o FMI apresentou hoje (24), em Kuala Lumpur, do relatório Perspectivas da Economia Mundial, publicado em abril passado.

 "A América Latina continua lutando contra um crescimento menor comparado com o resto e rebaixamos as perspectivas para a região durante os dois próximos anos", disse o diretor de Pesquisa do FMI, Maurice Obstfeld, durante a apresentação na Malásia transmitida ao vivo pela internet.

 O FMI calcula que América Latina e Caribe crescerão em conjunto 1% em 2017 e 1,9% em 2018, cálculo que é 0,1% inferior, em ambos os casos, ao previsto há três meses.

 O FMI eleva para 0,3% o crescimento econômico do Brasil este ano e rebaixa para 1,3% em 2018, em ambos os casos em comparação com as previsões de abril.
Fonte: Agência Brasil

Tóquio inicia contagem regressiva de três anos para Olimpíadas de 2020

Logotipos dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tokyo 2020

A cidade de Tóquio deu início, nesta segunda-feira (24), à contagem regressiva de três anos para a realização dos Jogos Olímpicos de 2020. O evento foi marcado por uma cerimônia vistosa, que contou com a participação de políticos e atletas japoneses e foi acompanhada por diversos eventos em todo o país. A informação é da EFE.

 O ato começou com música, interpretada pela banda do Corpo de Bombeiros de Tóquio, e um espetáculo de luzes e projeções tridimensionais sobre o icônico edifício da sede do governo, que mostrava alguns dos atrativos turísticos do país e imagens de outros eventos esportivos.

 A governadora de Tóquio, Yuriko Koike, o diretor-geral do Comitê Organizador das Olimpíadas, Toshiro Muto, e a ministra para os Jogos Olímpicos, Tamayo Marukawa, destacaram a importância para o Japão do evento, que acontecerá entre 24 de julho e 9 de agosto de 2020.

 A cerimônia também marcou o início do giro da bandeira olímpica pelo arquipélago japonês, que contará com 27 atletas olímpicos e paralímpicos do país escolhidos como "embaixadores".

 Esta será a segunda vez que Tóquio receberá os Jogos Olímpicos - após os celebrados em 1964 - e o evento incluirá o número recorde de 33 esportes e 339 provas, com um orçamento provisório de 1,39 trilhões de ienes (US$ 12,5 bilhões).

 A organização ainda enfrenta desafios significativos até o início dos Jogos, entre os quais se destacam cortes ainda maiores em seus custos, segundo as recomendações do Comitê Olímpico Internacional, e apresentar soluções para as altas temperaturas habituais durante o verão na capital japonesa, que superam 30 graus e 70% de umidade.
Fonte: Agência Brasil

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Mais de 11,7 mil pessoas são beneficiadas com água potável no oeste baiano

Governador Rui Costa inaugura o Sistema Integrado de Abastecimento de Água, no município de Cristópolis

Três municípios do extremo oeste baiano passaram a contar com água tratada e de qualidade. Mais de 11,7 mil moradores de Cristópolis, Cotegipe e Angical superaram a escassez com a inauguração de um Sistema Integrado de Abastecimento de Água (SIAA), na manhã desta sexta-feira (21), na sede de Cristópolis.

 O sistema faz parte do Programa Mais Água para Todos e foi construído pela Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia (Cerb). A obra representa um investimento de R$ 29 milhões, com recursos do Ministério da Integração e Governo da Bahia, através do Fundo Estadual de Combate e Erradicação da Pobreza (Funcep).

 “É uma alegria enorme de entregar esse sistema de água. São 160 km de tubulação pra levar água pra várias localidades rurais em três municípios. Com certeza a alegria do povo expressa no abraço, no sorriso, representa a satisfação por ter água de qualidade. Levar água potável é levar saúde e dignidade pras famílias, pra casa das pessoas”, afirma o governador.

 O secretário de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, Cássio Peixoto, também participou da inauguração. O SIAA atende as localidades de Missões de Aricobé, Brejo das Missões, Aricobé, Riachão e Lontra no município de Angical; Cantinho e sede municipal de Cristópolis e Reforma São Francisco de Assis, em Cotegipe.

 A família da cozinheira Ivandite de Azevedo foi uma das beneficiadas. Segundo a moradora de Cristópolis, tudo melhorou. "A gente chegava a ficar três dias sem água. Era um horror. Mas agora temos água boa, docinha", comemora Ivandite. As melhorias também já impactaram na saúde. "Quando tinha água, era salgada. Muita gente tinha dor de barriga ou pedra nos rins. Água potável traz muitos benefícios para a saúde das pessoas. As doenças devem ser cada vez mais raras por aqui", destaca a dona de casa Eliene Ferreira.

 O manancial utilizado para a captação da água é o Rio Grande, na localidade Jupaguá, onde a Cerb - vinculada à Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (Sihs) - implantou uma estação flutuante. O empreendimento conta ainda com seis estações elevatórias, sistema de adução, estação de tratamento, casa química, sete reservatórios e rede de distribuição com 3.321 ligações domiciliares.

 Outras ações

 Cumprindo agenda extensa no oeste do estado, o governador entregou sete tratores e implementos agrícolas para produtores dos municípios de Cristópolis, Wanderley, Santa Maria da Vitória, Jaborandi, Santana e Serra Dourada e duas caçambas para a cidade de Mansidão. Além disso, foram concedidos 2.655 certificados de Cadastro Ambiental Rural a proprietários de terra da região. O documento será obrigatório, a partir de dezembro, para que agricultores possam renovar ou solicitar empréstimos junto às instituições financeiras.

 "Fico muito feliz. Tenho um terreno de herança e pretendo fazer uma casa nele. O certificado é importante para buscar empréstimo para a criação de galinha e gado que lá tem espaço", afirma a proprietária de um dos terrenos cadastrados, Zileide Lopes da Silva. Os secretários de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, e da Agricultura, Vitor Bonfim, acompanharam Rui na entrega.

 Na Bahia, quatrocentos mil estão garantidos, dentro de um universo de setecentos mil agricultores familiares. O cadastro pode ser feito por meio dos sites das secretarias do Meio Ambiente (Sema) e de Desenvolvimento Rural (SDR). É necessária a escritura e a delimitação do terreno. Nos casos em que o proprietário não obtiver a escritura, é fundamental a apresentação de documento de posse do imóvel reconhecido e validado pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais.

 As ações itinerantes de cidadania também levaram serviços básicos à população. O SAC Móvel garantiu a emissão de documentos como RG, CPF, comprovante de residência e carteira de trabalho, enquanto o Odontomóvel levou atendimento odontológico gratuito, com limpeza, extração, obturação e canal.

Feira Empreendedora Afrotonizar movimenta Plataforma e Centro de Salvador

Feira Empreendedora Afrotonizar movimenta Plataforma e Centro de Salvador

O Projeto Afrotonizar realiza nesta sábado (22), na Praça São Braz, em Plataforma, no Subúrbio Ferroviário de Salvador, e no próximo dia 29, na Ladeira da Preguiça, no Centro, a ‘Feira Empreendedora Afrotonizar’, com o apoio do Fundo de Cultura da Bahia. Os eventos vão ocorrer de 14h às 18h, como celebração ao encerramento das oficinas realizadas em quatro bairros ao longo deste mês e também com o propósito de promover ações de movimento das economias locais e dar visibilidade às produções culturais dos bairros.

 Além de barracas com produtos de empreendedores dos bairros de áreas como vestuário, beleza, culinária, e de apresentações de grupos culturais e DJs, a programação terá pronunciamentos das idealizadoras do Afrotonizar, Naymare Azevedo e Luma Nascimento, e os depoimentos das oficineiras que realizaram as atividades de gastronomia, audiovisual, empreendedorismo e produção cultural, cosméticos, moda e estamparia, sobre os dias de imersão criativa. O objetivo é potencializar os trabalhos já existentes e incentivar o crescimento socioeconômico e novos modelos colaborativos. 

A feira já aconteceu nos bairros do Uruguai e da Liberdade, que receberam atividades do projeto de empreendedorismo com foco em jovens negros. Os empreendedores de ambos territórios – Plataforma e Centro - interessados em expor seus produtos nas feiras devem encaminhar e-mail para a equipe de produção, afrotonizar@gmaill.com com nome, informe do que gostaria de vender nos eventos e telefone de contato.

 O projeto também tem o apoio do Observatório de Economia Criativa da Universidade Federal da Bahia (Ufba), do site Lista Negra, que conta histórias de vidas de empreendedores negros, e das lideranças comunitárias e organizações dos territórios onde as oficinas são realizadas, como o bloco afro Ilê Aiyê, o Centro Cultural Que Ladeira é Essa?, a Rede de Protagonistas de Itapagipe (Reprotai) e o Centro Cultural Plataforma. Mais informações estão disponíveis no site do evento.

Estado investe R$ 4 milhões em nova escola em Lajedinho

A Secretaria da Educação do Estado irá investir cerca de R$ 4 milhões na construção de uma nova unidade escolar no município de Lajedinho, localizada na Chapada Diamantina, a cerca de 350 quilômetros de Salvador, para sediar o Colégio Estadual Professora Delzair Nascimento Galvão. O edital de concorrência pública foi publicado no Diário Oficial e a licitação está marcada para o dia 17 de agosto, às 10h, na sede do órgão, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador.

 A nova unidade escolar terá seis salas voltadas para o Ensino Médio (incluindo laboratórios de Ciências e Informática), biblioteca, quiosques, auditório, refeitório, guarita, quadra coberta, área verde com equipamentos para o convívio social, vestiário, sanitários com cabine para Portadores de Necessidades Especiais (PNE), setor administrativo, salas e sanitários para professores, estacionamentos de veículos automotivos e motos e espaço para bicicletas.

 Toda a obra obedecerá a normas e elementos técnicos específicos fornecidos pela Secretaria da Educação do Estado, a exemplo de projetos arquitetônicos e complementares, bem como a normas técnicas da ABNT, dentre outros critérios previstos na legislação vigente. A construção terá início imediato após a homologação da licitação. A previsão de conclusão é de 240 dias. O edital de concorrência pública está disponível no comprasnet.ba e no Portal da Educação.

Biblioteca Anísio Teixeira completa 32 anos com homenagens ao educador

Biblioteca Anísio Teixeira comemora mais um ano com música e palestra.

Os 32 anos da Biblioteca Anísio Teixeira e os 117 anos do educador baiano foram comemorados nesta sexta-feira (21), na sede da instituição, no Pelourinho, com uma apresentação musical e uma palestra sobre a vida e o legado de um dos maiores nomes da educação no país.

 “Antes de Anísio, não havia uma estrutura educacional aqui no Brasil. Então, a importância básica dele é que ele fez a organização da instituição escolar moderna, não apenas da escola básica como também do ensino superior”, afirmou o professor Bruno Vivas, que apresentou a palestra 'Anísio Teixeira: um homem/ uma escola ou uma biblioteca?'.

 A palestra foi assistida por educadores, bibliotecários, estudantes e familiares de Anísio. Bisneta do educador, Letícia Bugarin, 18 anos, não pretende seguir carreira na mesma área, mas se orgulha da trajetória do bisavô. “Muitos educadores deveriam se identificar com ele, porque hoje em dia é muito difícil ter um cara lutando pela educação como ele lutou. Naquela época, não tinha muitos recursos, mas ele conseguiu trazer essa escola para Salvador. É um enorme prazer ser bisneta dele. Eu queria muito ter o conhecido”, destacou a estudante.

 A biblioteca possui um acervo com mais de 13 mil obras. Os livros publicados por Anísio - que nasceu em 1900, no município de Caetité, e morreu em 1971 - têm lugar de destaque no local. A biblioteca funciona atualmente na rua Frei Vicente, no Pelourinho, mas já teve outros endereços. Ela ganhou o nome do educador em 1985, em uma homenagem a quem contribuiu de forma significativa com a educação no Brasil.

 Além do acervo especial, a biblioteca disponibiliza atendimento aos surdos e espaço voltado para crianças. O horário de funcionamento é de segunda a sexta, das 8h às 17h, e aos sábados, das 8h às 13h.

Município de Laje ganha base avançada da Polícia Militar


A Polícia Militar inaugurou, na manhã de quinta-feira (20), uma Base Avançada da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe) Central no município de Laje, região do Vale do Jiquiriçá, que servirá como ponto de apoio às companhias independentes e unidades especializadas da corporação. Por estar localizada estrategicamente no entroncamento do município, atenderá também às cidades de Santo Antônio de Jesus, Conceição do Almeida, Sapeaçu, Dom Macedo Costa e Cruz das Almas.

 A solenidade de inauguração foi presidida pelo subcomandante de Policiamento Especializado (CPE), tenente coronel Prado, que destacou a importância das políticas públicas em parcerias público privadas, pontuando as características de atuação da tropa especializada. O evento contou ainda com as presenças da chefe de gabinete da Secretaria de Relações Institucionais (Serin), Cibele Carvalho, e dos prefeitos de Laje, Kledson Mota, de Santo Antônio de Jesus, Rogério Andrade, de Varzedo, Ariecilio Bahia, de São Miguel das Matas, Zé Renato, entre outras autoridades civis e militares.

 Esta é a segunda Base Avançada da Cipe Central. A primeira foi inaugurada em 14 de julho no município de Santa Inês. A Cipe Central abrange a região de Rio de Contas, Vale do Jiquiriçá, Piemonte do Paraguaçu e Recôncavo, totalizando 50 municípios apoiados em todo o estado.

Fiscalização da Lei Seca flagra 2.812 motoristas em Salvador este ano

Desde o início do ano, 2.812 motoristas de Salvador foram notificados por dirigirem após ingestão de bebida alcoólica. Os dados são da Superintendência de Trânsito Municipal (Transalvador), que encaminhou, entre os flagrados pela Lei Seca, 19 pessoas à delegacia, por crime de trânsito.

 Além dos casos em que se configura crime de trânsito, 2.634 carteiras de habilitação foram retidas e 840 veículos removidos para o pátio da superintendência.

 Apesar da gravidade de ainda haver quem cometa esse tipo de infração, a Transalvador comemora o fato de o número de acidentes com vítimas - feridas e fatais - ter diminuído 36%, desde 2012. O número de mortes no trânsito na capital baiana, consequentemente, reduziu em 45%, desde então.

 As penalidades a quem dirige alcoolizado podem ser administrativas ou criminais e, mesmo que o motorista se recuse a fazer o teste do bafômetro, é notificado por infração gravíssima. A multa é no valor de R$ 2.934,70 e o infrator é impedido de dirigir por 12 meses.

 Caso o motorista seja flagrado com mais de 0,3 miligrama de álcool por litro de ar alveolar, está praticando um crime, cuja pena pode variar de seis meses a um ano de prisão. Mesmo assim, deve pagar a multa pela infração e pode ter a carteira de habilitação suspensa ou ser perder o direito de dirigir.
Fonte: Agência Brasil

Governo mantém previsão de 0,5% de crescimento do PIB

O governo federal manteve em 0,5% a estimativa de alta do Produto Interno Bruto (PIB), a soma de todas as riquezas produzidas no país. A previsão consta do Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas, lançado a cada dois meses. A previsão do mercado é de que o crescimento fique em 0,34%. Em 2016, o PIB teve queda de 3,6%.

 O relatório apresenta os parâmetros oficiais da economia e as previsões de arrecadação, de gastos e de cortes no Orçamento. Com base no documento, o governo edita um decreto de programação orçamentária, com novos limites de gastos para cada ministério ou órgão federal.
Fonte: Agência Brasil

Gastos de brasileiros com viagens ao exterior crescem 34,8% no primeiro semestre

Dólar fecha em alta

A queda do dólar fez os gastos de brasileiros com viagens internacionais voltarem a subir em 2017, depois de terem caído no ano passado. Segundo números divulgados hoje (21) pelo Banco Central (BC), as despesas de turistas brasileiros no exterior encerraram o primeiro semestre em US$ 8,805 bilhões, alta de 34,8% em relação aos seis primeiros meses do ano passado (US$ 6,532 bilhões). 

Apenas em junho, mês em que se inicia o verão no Hemisfério Norte, os brasileiros gastaram US$ 1,51 bilhão no exterior. O valor é 10,1% maior que o gasto de US$ 1,372 bilhão registrado em junho de 2016.

 A retomada dos gastos com viagens internacionais ocorre depois de uma queda de 16,5% no ano passado. Em 2016, as despesas de turistas brasileiros em outros países tinha totalizado US$ 14,497 bilhões, no menor valor desde 2009.

 Os gastos de turistas brasileiros no exterior e de turistas estrangeiros no Brasil entram na conta de serviços, que também mede ingressos e saídas do país com serviços de transportes, aluguéis, seguros, telecomunicações e propriedade intelectual. A conta de serviços é um dos itens que compõem as contas externas ou transações correntes, que fecharam o primeiro semestre com superávit de US$ 715 milhões, o melhor resultado para o período em 10 anos, beneficiada pelo superávit recorde de US$ 34,9 bilhões na balança comercial.
Fonte: Agência Brasil

Funcionários são presos no Galeão por tráfico internacional de drogas

A Polícia Federal do Rio prendeu três homens e apreendeu aproximadamente 57 kg de cocaína em tabletes no Terminal de Cargas do Aeroporto Internacional Tom Jobim/Galeão. A droga estava dividida em duas caixas que seguiriam com destino a Toronto, no Canadá.

 De acordo com a Polícia Federal, os agentes inspecionavam os carregamentos do terminal quando o cão farejador da corporação indicou a possível presença de entorpecentes nas encomendas. Quando as caixas foram abertas para averiguação, foram encontrados os tabletes de cocaína escondidos em mochilas.

 A caixa com a droga havia sido levada para o terminal por fora dos protocolos regulares de fiscalização com a participação de funcionários da concessionária administradora do aeroporto, que foram detidos.

 Os três foram presos em flagrante por tráfico internacional de entorpecentes, cuja pena varia de 5 a 15 anos de reclusão. Eles foram encaminhados para um presídio do Estado, onde ficarão à disposição da Justiça Federal, aguardando julgamento.
Fonte: Agência Brasil

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Rui anuncia ampliação do Hospital do Oeste com serviço de oncologia

O governador Rui Costa anunciou a ampliação do Hospital do Oeste, com a construção de 88 novos leitos e um investimento de R$ 15 milhões, entre obras e equipamentos.

O governador Rui Costa anunciou em Barreiras, nesta quinta-feira (20), a ampliação do Hospital do Oeste, com a construção de 88 novos leitos e um investimento de R$ 15 milhões, entre obras e equipamentos. Serão criados 20 leitos novos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 62 de enfermaria cirúrgica, três de UTI Neonatal e três de pré-parto, parto e pós-parto Atualmente, a unidade possui 193 leitos e se tornará o maior hospital do interior da Bahia.

 O governador também anunciou a implantação de serviço de hemodinâmica, cardiologia e cirurgia cardíaca, bem como o serviço de oncologia ambulatorial, com 12 leitos de quimioterapia. Rui divulgou ainda a retomada das obras da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município, com investimentos de R$ 4 milhões. “Com essas obras, haverá um melhoria significativa do atendimento de saúde que vai beneficiar a população de toda a região oeste do estado”, ressaltou.

 Em Barreiras, o governador participou de reunião do programa Pacto pela Vida nesta quinta (20). Foi informado no encontro que, de 1º de janeiro a 30 de junho deste ano, a Região Integrada de Segurança Pública Oeste (Risp Oeste) apresentou uma redução de 7,8% no número de homicídios.

Pesquisadores da Uefs assinam artigo em revista de divulgação científica internacional

O artigo de três professores/pesquisadores da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) - ‘Establishment and cryptic transmission of Zika virus in Brazil and the Americas’ - que trata dos resultados do Projeto Zibra, voltado a sequenciar mil genomas do Zika vírus no Brasil, está entre um dos textos da matéria de capa da Revista Nature, um dos mais importantes periódicos de divulgação científica internacional.

 Os coautores do artigo são os pesquisadores Erenilde Marques de Cerqueira, professora Adjunta do Departamento de Saúde (DSAU), a doutoranda Maricélia Maia de Lima, professora assistente do mesmo de departamento, e o professor visitante Luiz Carlos Júnior Alcântara, vinculado ao Departamento de Ciências Biológicas da universidade.

 O projeto busca fornecer informações epidemiológicas importantes sobre a propagação desta doença no País e é composto de um grupo internacional de cientistas que está viajando o Brasil, por meio de um trailer equipado para a realização do sequenciamento genético do Zika vírus.

Projeto contemplado no Edital de Matriz Africana promove feira de artesanato

A 9ª edição da 'Feira de Economia Solidária Fortalecer-nós, Comercializar Tradições e Unir Pessoas' começou nesta quinta-feira (20), na Praça da Sé, no Pelourinho, em Salvador. O evento, que segue até o sábado (22), sempre das 9h às 19h, promove a comercialização de produtos confeccionados por 36 artesãos vinculados à Associação Cultuarte Bahia.

 A feira integra as ações do projeto Fortalecer-Nós, umas das 54 propostas selecionadas pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), por meio do Edital 001/2014, destinado ao apoio de Empreendimentos de Economia Solidária de Matriz Africana. Com um investimento de mais de R$ 192 mil, a iniciativa tem o intuito de promover ampliação e consolidação da geração de renda dos artesãos da Cultuarte Bahia. Além de 19 feiras para comercialização da produção artesanal, o projeto prevê atividades de capacitação.

 Estão sendo oferecidos cursos de tecelagem e de produção de peças artesanais de material reciclável, com base na temática, cultura e valores das raízes africanas. O público-alvo é formado por pessoas em situação de vulnerabilidade social que vivem no entorno da sede da associação, no Pelourinho, e da comunidade do Ilê Axé Opó Afonjá – Casa do Alaká, em São Gonçalo do Retiro.

Bahia receberá Copa de Futebol amador em 2018


A Bahia vai sediar a segunda edição da Copa AFIA Brasil, a ser realizada pela Associação de Futebol Internacional Amador (AFIA), entre 11 e 16 de novembro de 2018. A competição, que terá jogos em Salvador e Mata de São João, vai atrair mais de 800 visitantes ao estado. Cerca de 450 serão competidores e comissões técnicas, que também trarão amigos e familiares.

 Com apoio da Secretaria do Turismo do Estado (Setur), o campeonato - disputado pela segunda vez no Brasil - vai reunir equipes de jogadores veteranos (35 a 65 anos) de estados como Amazonas, Rio Grande do Sul, Espírito Santo, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Brasília. Do exterior, devem participar portugueses, mexicanos, espanhóis e panamenhos, entre outros.

 “Eventos como esse têm divulgação em vários países e em todo o Brasil e reforçam a promoção da Bahia junto a mercados emissores nacionais e internacionais”, comentou o secretário do Turismo do Estado, José Alves, em reunião com o vice-presidente da instituição, Celso Guerreiro, e o diretor do Salvador e Litoral Norte Convention & Visitors Bureau, Sergio Gomes.

 A AFIA realiza torneios na Europa e América Latina. Entre os fatores que levaram a Bahia a ser escolhida para sediar o evento no Brasil estão: história, diversidade cultural e atrativos naturais. Até novembro de 2018, o estado ganhará visibilidade nas competições promovidas pela associação, com a exibição de vídeos sobre destinos turísticos baianos.

 Dicas de passeios vão compor o guia do evento no Brasil, distribuído entre os participantes. Vídeos da Bahia também serão veiculados nas transmissões ao vivo dos jogos - em Salvador e Mata de São João - no site e nas mídias sociais da AFIA.

Unicamp assume liderança como melhor ensino superior na América Latina

O posto de número um entre as 81 melhores instituições de ensino superior da América Latina passou a ser ocupado pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), de acordo com ranking mundial divulgado hoje (20) pela instituição britânica Times Higher Education (THE). O dado inverte a classificação de 2016, que tinha a Universidade de São Paulo (USP) na liderança e a Unicamp no segundo lugar.

 Na lista das 25 primeiras colocadas, o Brasil aparece 13 vezes, seguido do Chile (6), a Colômbia (4) e o México (2). Entre as universidades brasileiras, além das duas primeiras (Unicamp e USP), estão a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), em 7º lugar; seguidos da Universidade Federal do Rio de Janeiro (8º); a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (9º); Universidade Federal de Minas Gerais (11º); Universidade Estadual Paulista (12º); Universidade Federal do ABC (14º); Universidade Federal de Santa Catarina (15º); Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (16º); Universidade Federal de São Carlos (18º); Universidade de Brasília (19º) e Universidade Estadual do Rio de Janeiro (24º).

 Em nota, o reitor da Unicamp, Marcelo Knobel, disse que o resultado representa orgulho para a instituição. “É um reconhecimento do árduo trabalho que aqui realizamos, para ter uma escola de excelência em todas as áreas que atua. Temos agora um esforço extra para, apesar da grave crise que estamos atravessando, conseguir manter essa posição no cenário internacional”, afirmou.

 A Unicamp afirmou que a análise da publicação britânica sobre as universidades da América Latina inclui 13 quesitos nos segmentos de ensino, pesquisa, transferência de conhecimento e grau de internacionalização e que há diferenças de avaliação quando são englobados os países do resto do mundo, como por exemplo, no critério qualidade do ensino, que tem peso de 30% no ranking global e 36%, no grupo latino-americano.

 O comunicado destaca ainda a ponderação do editor dos rankings Times Higher Education, Phil Baty, que considera “fantástico" ver duas universidades de qualidade internacional competirem pelo prestígio de ser a principal instituição brasileira no ranking.

 Em uma base de comparação, o editor afirmou que a USP é a maior e mais tradicional das duas instituições, enquanto a Unicamp é menor e mais conhecida por ser especializada em pesquisas médicas e científicas. “As duas universidades, tão diferentes, representam a diversidade e a excelência no setor do ensino superior do Brasil.”

 Baty disse ainda que, mesmo tendo obtido uma boa participação entre os 50 mais bem classificados com 18 universidades, este número representa uma ligeira queda, pois na avaliação anterior, o país teve 23 instituições listadas.
Fonte: Agência Brasil

Prévia indica deflação de 0,18%, a menor taxa em quase 20 anos

Vitória (ES) - Supermercados lotados com filas nos caixas e na entrada funcionam com horário reduzido (Tânia Rêgo/Agência Brasil)

A inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) fechou com variação negativa de 0,18% em julho, resultado que chega a ser 0,34 ponto percentual inferior ao resultado de junho, quando a variação foi de 0,16%.

 Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulgou hoje (20), no Rio de Janeiro, os dados da prévia, essa é a menor variação relativa a julho, juntamente com o resultado de 2003, cuja variação também havia sido de -0,18%.

 Essa é a menor taxa de inflação desde setembro de 1998, quando a deflação dos preços havia sido de -0,44%. Com a inflação negativa de julho, o IPCA-15 passou a acumular alta de 1,44% nos primeiros sete meses do ano, resultado 3,75 pontos percentuais menor do que os 5,19% referentes ao mesmo período do ano passado.

 Já a inflação acumulada nos últimos doze meses fechou em 2,78%, resultado inferior aos 3,52% dos 12 meses imediatamente anteriores, o que constitui a menor variação acumulada em períodos de 12 meses desde março de 1999, quando atingiu 2,64%. Segundo o IBGE, em julho do ano passado a taxa havia variado 0,54%.

 A queda teve forte influência dos preços dos alimentos e dos transportes. Com participação de 25% nas despesas das famílias, o grupo dos alimentos exerceu “o mais intenso impacto negativo”: 0,14 ponto percentual. Já o item dos transportes, que também tem participação significativa nas despesas (18%), foi negativo em 0,11 ponto percentual em relação a junho.
Fonte: Agência Brasil

Índice de Confiança do empresário industrial cai em julho

O Índice de Confiança do Empresário Industrial (Icei) registrou 50,6 pontos em julho. Na comparação com junho, o resultado representa uma queda de 1,3 ponto. Se for comparado a março, acumula uma queda de 3,6 pontos.

 As empresas que registraram confiança foram as de grande porte, com 52,3 pontos. As demais ficaram abaixo dos 50 pontos, linha divisória que indica se estão ou não confiantes, em uma escala que varia de zero a 100. No caso das de médio porte, 49,6 pontos, e das de pequeno porte, 47,9 pontos. O resultado foi divulgado hoje (20), em Brasília, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

 O estudo indica a percepção dos empresários sobre as condições atuais e as expectativas para a economia e a empresa nos próximos seis meses. Segundo a CNI, como o resultado de julho (50,6 pontos) está praticamente em cima da linha divisória, não é possível afirmar nem que os empresários estão confiantes, nem que estão sem confiança para fazer investimentos.

 Comparação

 Na comparação com julho de 2016, o índice apresenta uma alta de 3,3 pontos, mas fica ainda abaixo da média história de 54 pontos. Segundo a CNI, a queda de julho foi puxada “tanto pelas condições atuais quanto pelas expectativas, ambas em relação à empresa e à economia”.

 Além disso, acrescenta a entidade, o índice de condições atuais, que recuou para 44,2 pontos, indica que o empresário percebe piora do ambiente de negócios. “Já o índice de expectativas, embora tenha recuado de 54,9 pontos, em junho, para 53,8 pontos em julho, ainda revela perspectivas positivas”. 

No entanto, acrescentou a CNI por meio de nota, a queda do índice “aponta menor grau do otimismo com relação ao futuro”.

 A pesquisa foi feita com 2.880 empresas de todo o país entre os dias 3 e 12 deste mês, sendo 1.146 de pequeno porte; 1.095 de médio porte e 639 de grande porte.
Fonte: Agência Brasil

Lei que libera verba para emissão de passaporte é publicada no Diário Oficial

A Lei 13.469, que libera recursos para emissão de passaportes, sancionada nessa quarta-feira (19) pelo presidente Michel Temer, autorizando de crédito extra de mais de R$ 102 milhões para o Ministério da Justiça, está publicada na edição desta quinta-feira (20) do Diário Oficial da União

Agora o Ministério do Planejamento abrirá empenho de recursos e autorizando o repasse ao Ministério da Justiça, que destinará a verba para a Polícia Federal (PF).

 Paralisação 

 De acordo com a PF, são realizados 11 mil atendimentos por dia útil para a requisição do documento em todo o país. Como a paralisação já dura três semanas, a demanda não atendida pode superar 150 mil pedidos.

 Com orçamento insuficiente para as atividades de controle migratório e emissão de documentos de viagem, a PF suspendeu a emissão de novos passaportes na noite do dia 27 de junho. Segundo o órgão, o setor atingiu o limite de gastos previstos na Lei Orçamentária da União.
Fonte: Agência Brasil

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Estudantes aprendem Matemática em feiras livres


Já pensou olhar para peças de um museu e perceber a Matemática? E que tal vê-la em monumentos espalhados pela cidade? Os estudantes do Colégio Estadual Juiz Jorge Farias Góes, localizado em Feira de Santana, na região centro norte, estão percebendo, por meio do projeto ‘Matemática em Toda Parte’, que é possível aprender a disciplina de forma lúdica e divertida. Para isso, estão participando de aulas de campo em diferentes locais da cidade, como o Mercado das Artes, o museu, bibliotecas e até em feiras livres.

 A professora de Matemática, Maria do Carmo Ferreira, é a idealizadora do projeto e explica porque esta experiência torna o processo de ensino e aprendizado dos estudantes mais fácil. “A minha intenção com as visitas é eles perceberem que em tudo no nosso cotidiano envolve Matemática. Mostrei exemplos nas obras, nos preços dos produtos na feira, nos cálculos de porcentagem nas lojas e nas datas. Às vezes, a gente passa despercebido, mas tem Matemática em tudo”.

 A estudante Emilly Kelly Fonseca Fiuza, 16 anos, gosta muito de comprar sapatos e diz que depois destas aulas de campo, nunca mais entrará em uma loja sem prestar atenção nos números, principalmente no que se refere à aos percentuais dos descontos. “Eu achei a atividade interessante, pois percebemos que em nosso cotidiano são encontradas várias formas da Matemática. Até em uma simples compra de um sapato está a Matemática, seja no preço, no cálculo para ganhar desconto e até no prazo para pagamento, se a compra for a prazo”.

 Para seu colega, Marlon de Jesus Oliveira, 18, atividades de campo como estas ajudam o estudante a sair da rotina, incentivam a pesquisa e melhoram o aprendizado. “Além disso, o passeio com a turma é muito bom. O que mais me identifiquei com a Matemática foi na visita à biblioteca, quando estudamos sobre o tempo histórico das obras e a importância das datas em que foram publicados os livros”. Como desdobramento das aulas de campo, os estudantes estão fazendo um registro fotográfico que será exposto na Feira de Conhecimento da unidade escolar.

Municípios têm até esta quinta-feira para entrar no Mapa Turístico da Bahia

Municípios têm até amanhã (20/07) para entrar no Mapa Turístico da Bahia

Cidades baianas que desejam ser mantidas ou inseridas no mapa turístico brasileiro têm até esta quinta-feira (20) para enviar documentação à Secretaria do Turismo do Estado (Setur). Realizado pelo Ministério do Turismo (MTur), com apoio da Setur, o mapeamento fornece subsídios para o desenvolvimento de políticas públicas de gestão, estruturação e promoção dos destinos.

 Para que o município tenha o potencial turístico avaliado, as prefeituras precisam enviar documentação específica para a Superintendência de Serviços Turísticos da Setur, que validará as informações e as enviará ao ministério. Após análise do MTur, que envolve avaliação de desempenho econômico, o novo mapa turístico será divulgado em setembro. Mais informações podem ser obtidas por meio do telefone (71) 3116-4143.

 A documentação exigida inclui comprovante da existência de um órgão municipal de turismo, a exemplo da lei municipal para criação da secretaria ou superintendência. Dotação orçamentária para ações de turismo é outro fator indispensável.

PM entrega agasalhos e alimentos a pessoas em situação de rua


Nas sacolas, casacos, calças, blusas, sapatos, lençóis, cobertores e até brinquedos. No coração, a solidariedade. A Igreja da Conceição da Praia, no bairro do Comércio, em Salvador, como ponto de partida. De lá, policiais militares seguiram, na noite da terça-feira (18), ao encontro de pessoas carentes e em situação de rua para entregar a terceira etapa das doações recolhidas durante a Campanha do Agasalho 2017, ação da Polícia Militar da Bahia (PMBA) colocada em prática pelas Bases Comunitárias de Segurança (BCS) de Fazenda Coutos, Chapada do Rio Vermelho, Rio Sena e Bairro da Paz.

 A Academia de Polícia Militar (APM) também participou da ação com a doação de alimentos. Para a comandante da BCS Fazenda Coutos, capitã Lílian Carvalho, o objetivo da ação vem sendo alcançado a cada entrega. "A maior proposta da campanha é mobilizar, sensibilizar todas as esferas da sociedade, todos os segmentos, todas as pessoas que estão sendo alcançadas por esta divulgação", explica a militar.

 O local escolhido para realizar a entrega foi o Largo de Roma, onde algumas pessoas já estavam recolhidas para passar a noite e outras aguardavam a passagem de algum grupo com ajuda. Desempregada, Rosângela Roseno aproveitou a ação para recolher cobertores e roupas para a família. Ela mora com o marido e nove filhos e depende deste tipo de ajuda para sobreviver. "Eu não moro na rua. Mas a gente vem aqui, pega o alimento e volta pra casa porque não tem condições", conta Rosângela sobre a situação da família.

 Do Largo de Roma, os policiais militares seguiram para o centro da cidade em busca de um novo grupo de pessoas para ajudar. A campanha segue recolhendo doações até o mês de agosto. Para colaborar, basta entregar os agasalhos em qualquer BCS da capital ou do interior.

 "Se não tiver condições de entregar na própria base, nós vamos até a pessoa para fazer a coleta do material", afirma a capitã Eva Cachoeira, comandante da BCS Chapada do Rio Vermelho. Mais informações sobre a campanha podem ser obtidas com o Departamento de Comunicação Social da PM, por meio do telefone (71) 3116 8958.

Governo traz para Bahia próxima edição do PetroNor

Governo traz para Bahia próxima edição do PetroNor

A Bahia sediará a próxima edição da PetroNor 2018, Conferência e Encontro do Setor de Petróleo do Norte e Nordeste, que discute as oportunidades de negócios para o segmento de exploração e produção. O anúncio foi feito oficialmente nesta quarta-feira (19), na PetroSul, que está acontecendo em Vitória, no Espírito Santo. Os dois eventos são bienais e itinerantes. A primeira edição da PetroNor foi realizada em Salvador, em 2009.

 "Sediar a PetroNor em 2018, em um momento de reaquecimento da exploração e produção de petróleo na Bahia, é super positivo para o estado. O evento terá como foco as políticas e os resultados das ações que estão sendo implantadas na revitalização dos campos maduros na região terrestre do Brasil, em especial da região Nordeste. Além disso, teremos rodadas de negócios, apresentação de cases de sucesso e já poderemos apresentar resultados do que vem sendo feito ao longo deste ano no segmento", afirma Paulo Guimarães, superintendente da Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Bahia (SDE), que está participando do PetroSul.

 Guimarães explica que a participação da Bahia no Global Petroleum Show, maior evento do segmento, que aconteceu em Calgary, no Canadá, no mês passado, rendeu bons frutos. "A ANP fará uma parceria com a agência regulatória de energia de Alberta, no Canadá e em breve deve lançar um novo marco regulatório de produção e exploração em áreas terrestres baseada na experiência que o Canadá tem de tanto sucesso".

 Outra boa notícia é que empresas canadenses se mostraram interesse em conhecer as oportunidades onshore no Brasil. No próximo dia 1º, vai ser realizado um evento em Calgary (Canadá) com a presença de representantes da ANP e o Ministério de Minas e Energia com a participação da SDE via skype, para que as empresas canadenses possam conhecer melhor os dados técnicos dos blocos da região terrestre que serão leiloados pela ANP no fim de setembro, na 14ª rodada.

 "Nossa esperança é que essas empresas consigam participar desse leilão seja individualmente ou consorciadas entre si, trazendo uma nova perspectiva de mais operadoras virem para o Brasil podendo explorar petróleo e gás em áreas onshore", acrescenta Guimarães. Já na próxima semana (26/), o diretor geral da ANP estará em Salvador reunido com todo setor petrolífero para discutir reivindicações nas questões da revitalização das áreas terrestres na Bahia.

Oferta de hospedagem cresce mais de 70% no Brasil nos últimos 5 anos

EBC

Nos últimos cinco anos, a oferta de hospedagem nas capitais brasileiras cresceu mais de 70%, passando de 373.673 vagas em 2011 para de 639.352 no ano passado. De acordo com levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a pedido do Ministério do Turismo, atualmente o país tem capacidade para acomodar, simultaneamente, 2,4 milhões de pessoas.

 O crescimento expressivo, segundo o Ministério do Turismo, foi impulsionado pela preparação do país para receber turistas no chamado ciclo de megaeventos, como a Copa das Confederações, em 2013, a Copa do Mundo, em 2014, e os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, no ano passado.

 “Com toda certeza os grandes eventos contribuíram para o aumento da rede hoteleira do país. Mas não só para o aumento da rede, como também para a melhoria da qualidade da oferta. Nós tivemos um incremento em algumas capitais não só no número de estabelecimentos, como no de leitos também”, disse à Agência Brasil Roberto Saldanha, gerente da pesquisa.

 Ele cita como exemplo Brasília: “A gente vê claramente que a expansão [em Brasília] se deu não pelo surgimento de novos estabelecimentos, mas pela expansão dos leitos existentes. E para tanto contribuíram muito os eventos realizados no país, principalmente a Copa do Mundo e também o fato de Brasília ser a capital do país e ter, por isso mesmo, uma procura muito grande”.

 “Todos esses investimentos representaram um grande salto quantitativo e qualitativo em termos de oferta de serviços de um modo geral e contribuíram para a melhoria da infraestrutura do setor de turismo como um todo. O saldo disso tudo é que o Brasil tem condições de sediar novos e grandes eventos”, disse Saldanha.”

 “Além da abertura de novos hotéis, registramos a reforma e ampliação de estabelecimentos que já estavam em funcionamento”, disse o ministro do Turismo, Marx Beltrão, em nota divulgada pelo ministério.

 São Paulo lidera ranking

 Segundo o censo, o estado de São Paulo lidera o ranking de número de meios de hospedagem com 507.412 leitos disponíveis. O estado é responsável por 21% de toda a oferta nacional. Os quatro estados da região Sudeste respondem por 43,1% do total de leitos do Brasil.

 Entre os destaques do levantamento está a capital paraense. Belém acusou no período crescimento de 51% na oferta de hospedagem, passando de 93 para 141 o total de estabelecimentos preparados para receber turistas.

 Segundo o Ministério do Turismo, no último levantamento do setor, feito em 2011, foram listados 5.036 meios de hospedagem nas capitais do país. Hoje, a quantidade de estabelecimentos de hospedagem subiu para 5.791, crescimento de 15%. O censo analisou a quantidade de vagas em hotéis, motéis, flats e pousadas. Não foram considerados itens como aluguel de imóveis por temporada ou casas de parentes e amigos.

 Número de turistas cresce

 Com base em dados fornecidos pelo Ministério do Turismo e também pelo Banco Central, o IBGE ressalta que, entre 2011 e 2016, o número de ingresso de turistas no país passou de 5,4 milhões para 6,6 milhões, dos quais 50% da América do Sul.

 A receita cambial com o turismo passou de US$ 6,1 bilhões em 2011 para US$ 6,8 bilhões em 2014. Em 2015, foram US$ 5,8 bilhões e, em 2016, US$ 6 bilhões.

 Roberto Saldanha ressaltou, porém, a necessidade de que o país dê continuidade às conquistas obtidas com a realização de grandes eventos. “Porque este potencial criado tem que ter uma continuidade e ela se dará com a realização de novos e grandes eventos que venham a dar suporte ao que já foi feito”, finaliza.
Fonte: Agência Brasil

Arrecadação cresce 3% em junho e 0,77% no acumulado do ano, diz Receita

dinheiro

A arrecadação de impostos e contribuições federais ficou em R$ 104,1 bilhões em junho. O resultado representa um crescimento de 3% em relação ao mesmo período de 2016.

 Entre janeiro e junho deste ano, o total arrecadado foi de R$ 648,584 bilhões, o que significa um crescimento real de 0,77% na comparação com o mesmo período do ano passado. Os dados foram divulgados hoje (19), em Brasília, pela Receita Federal.

 Segundo técnicos da Receita, esse crescimento é real, já descontando a inflação do período medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA).

 Se forem consideradas apenas as receitas administradas pela Receita Federal (excluídos outros órgãos), o valor arrecadado é de R$ 102,322 bilhões em junho, total 3,17% maior que o de maio de 2016, descontada a inflação.

 No acumulado de ano, o valor arrecadado apenas pela Receita somou R$ 630,807 bilhões. Apesar de, em termos absolutos, esse resultado ser superior aos R$ 606 bilhões arrecadados entre janeiro e junho de 2016, se for considerada a inflação do período, o resultado fica negativo em 0,2%.

 Entre as arrecadações administradas pela Receita, o tributo que apresentou maior percentual de crescimento foi o Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), que ficou em 20,65% na comparação com junho de 2016 (R$ 2,86 bilhões ante R$ 2,37 bilhões em 2016). A arrecadação via Imposto de Renda aumentou 9,45%, chegando a R$8,4 bilhões.

 “Isso se deve à participação do setor público na fonte”, disse o chefe do Centro de Estudos Tributários da Receita Federal, Claudemir Malaquias, ao anunciar hoje o resultado.

 Previdência

 Em termos absolutos, a fonte que mais gerou recursos foi obtida por meio da previdência (R$31,82 bilhões), valor 1,24% maior, em termos reais, do que o registrado em junho de 2016.

 O programa de repatriação de recursos no exterior fez com que, no acumulado do ano, a arrecadação de rendimentos via Imposto de renda de residentes em outros países apresentasse, em termos percentuais, o maior crescimento (10,06%, descontada a inflação). O total arrecadado por meio dessa fonte foi de R$13,19 bilhões.

 Também no acumulado entre janeiro e junho de 2017, a fonte que mais recursos apresentou foi a da receita previdenciárias: R$ 188,618 bilhões. O valor representa uma queda real de 0,49% na comparação com o mesmo período de 2016, quando foram arrecadados R$ 189,547 bilhões.
Fonte: Agência Brasil

terça-feira, 18 de julho de 2017

Chocolat Bahia reúne 80 expositores e 30 marcas de chocolates em Ilhéus


Será realizado de 20 a 23 deste mês, em Ilhéus, o Chocolat Bahia - 9ª edição do Festival Internacional do Chocolate e Cacau. O evento, que tem o apoio do Governo do Estado, por meio das secretarias de Cultura (Secult), do Turismo (Setur), de Desenvolvimento Rural (SDR), da Agricultura (Seagri) e de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), é voltado para consumidores e profissionais da área. A ação marca o calendário turístico da cidade, firmando o sul da Bahia como principal região produtora de chocolate de origem do Brasil.

Durante quatro dias, o festival reunirá mais de 30 marcas de chocolate e cerca de 80 expositores no pavilhão de feiras do Centro de Convenções de Ilhéus, além de promover cursos de capacitação, debates sobre temas do setor, rodadas de negócios e palestras ministradas por especialistas internacionais.

 A programação do Chocolat Bahia inclui workshops gratuitos de receitas à base de chocolate com renomados chefs do país, visitas a fazendas produtoras de cacau, exposição de esculturas de chocolate e atrações culturais. Entre os eventos, estão o 1º Fórum Brasileiro do Cacau e Chocolate, ChocoDay, Cozinha Show, Cozinha Kids, Ateliê do Chocolate, Pavilhão de Economia Criativa e Espaço Cultura do Cacau.

 Para Marco Lessa, idealizador do projeto e organizador do evento, o festival é também uma forma de promover Ilhéus como polo chocolateiro e difundir a cadeia produtiva do cacau. “Temos, durante quatro dias, o maior evento profissional dessa área, reunindo consumidores, especialistas e produtores. É uma oportunidade para discutir a industrialização, a verticalização da produção e, consequentemente, a melhoria da qualidade das amêndoas de cacau selecionado e produto final elaborado”, afirma.

 Com o objetivo de promover a visibilidade do chocolate de origem e fomentar os negócios da cacauicultura no país, o Chocolat Bahia – 9º Festival Internacional do Chocolate e Cacau é uma iniciativa do Costa do Cacau Convention Bureau e da Associação de Turismo de Ilhéus. Também tem parceria da Prefeitura Municipal de Ilhéus, Banco do Nordeste, Sebrae, Caixa Econômica Federal, entre outras instituições, com realização da MVU Eventos.

SAC Móvel realiza parada de três dias no município de Santaluz

SAC Santaluz

Os moradores do município de Santaluz, região sisaleira do estado, terão os serviços da carreta do SAC até esta quarta-feira (19). A cidade, que fica a 257 quilômetros de Salvador, recebeu visita do governador Rui Costa, em sua 300ª viagem ao interior, na segunda (17), primeiro dia de atendimento, quando foram registrados 268 pedidos de carteira de identidade.

 O caminhão do SAC Móvel está estacionado na Praça Major Benício Viana, próximo ao Memorial. Nesta parada de três dias, os cidadãos da cidade, que possui população estimada em quase 40 mil pessoas, podem tirar a primeira e demais vias do RG, 1ª via do CPF, antecedentes criminais, além de fazer o recadastramento de inativos e pensionistas e serviços da Ouvidoria Geral do Estado (OGE). 

Este ano, as carretas do SAC Móvel, que funcionam das 8 às 18h, já passaram por 63 cidades de Bahia. O próximo roteiro inclui cinco cidades da região do baixo sul. Para mais informações sobre as rotas do SAC Móvel e horários de atendimento, a Secretaria da Administração do Estado (Saeb) oferece o site do serviço.

Estado inscreve servidores para curso gratuito de introdução à segurança da informação

Capacitar os servidores públicos estaduais nas melhores práticas em Segurança da Informação (SI). Esse é o objetivo principal do curso de Introdução à Segurança da Informação, que servirá de subsídio para a implantação das normas de SI pertencentes à Política de Segurança da Informação do Estado da Bahia. As inscrições para a segunda turma de 2017 vão até quinta-feira (20), através do Portal do Servidor. A capacitação será na modalidade Educação a Distância (EAD) e vai acontecer de 24 de julho a 13 de agosto de 2017. A expectativa é que esta turma seja formada por até 60 servidores. O curso irá abordar riscos e medidas indispensáveis para o uso seguro das informações. 

Para a especialista em Gestão de Segurança da Informação, Suane Freitas, o curso amplia o nível de conscientização do servidor público sobre o assunto. "O foco é que ele desenvolva um comportamento seguro diante do uso das novas tecnologias e serviços da Internet proporcionados pelo mundo globalizado, que, apesar das vantagens em termos de conectividade e celeridade no acesso às informações, trouxe um aumento significativo dos riscos e ameaças que podem violar a privacidade dos dados pessoais e das informações corporativas", disse.

 O curso é promovido pela Diretoria de Soluções Corporativas de TIC e Segurança da Informação (DSCSI/SGI), em parceria com a Diretoria de Valorização e Desenvolvimento de Pessoas (DDE/SRH), da Secretaria da Administração (Saeb).

Qualifica Bahia promove certificação de trabalhadores de Itiúba

Vinte trabalhadores de Itiúba, no norte da Bahia, recebem, nesta quarta-feira (19), às 17h, na Câmara de Vereadores do município, os certificados de conclusão do curso de Informática Avançada. A formação integra o Qualifica Bahia, programa desenvolvido pela Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), com o objetivo de promover a formação social e profissional dos trabalhadores e trabalhadoras do estado.

 Até o final do mês de julho, serão certificadas 440 pessoas de 19 municípios baianos,em diversos cursos, como: pintura automotiva, técnicas de vendas, culinária, operador de supermercado, podologia e introdução à fotografia.

Governo vai construir mais 174 unidades habitacionais em Alagados

Mais 174 unidades habitacionais serão construídas pelo Governo do Estado no bairro da Massaranduba, em Salvador, beneficiando diretamente 696 pessoas da comunidade de Alagados. Os apartamentos terão dois quartos, cozinha, sala e sanitário. As obras incluem serviços complementares de abastecimento de água, drenagem pluvial, esgotamento sanitário e pavimentação.

 O tempo previsto para a execução do empreendimento é de 15 meses, a partir da ordem de serviço autorizando o inicio das obras, representando um investimento de 13 milhões. A urbanização da área do projeto compreende a construção de praças, parque infantil, espaço para prática de ginástica, vagas de estacionamento e caminhos de interligação entre os 29 prédios, dotados de três pavimentos.

 Com financiamento da Caixa Econômica Federal e contrapartida do Governo do Estado, as obras integram o total de outras 539 unidades habitacionais já construídas e entregues aos beneficiários em Alagados desde 2007.

Restauração do forte de Morro de São Paulo fica pronta até o fim do ano


O Comitê de Governança do Forte de Morro de São Paulo fez reunião nesta terça-feira (18), no município de Cairu, com a presença do diretor-geral do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac), João Carlos de Oliveira, além de assessores e técnicos do órgão. “A reunião discutiu a inauguração do museu da fortaleza, roteiro e ações, educação patrimonial, que já está em curso, e a gestão do espaço”, explica João Carlos.

 A iniciativa da restauração do forte é do Instituto de Desenvolvimento Sustentável do Baixo Sul (IDES), que fez convênio com o Ipac para iniciativas museológicas e patrimoniais. O investimento é de R$ 9,2 milhões, via Lei Rouanet/BNDES, com parcerias do Sebrae e Secretaria de Trabalho, dentre muitas outras. O forte pertence à União e está cedido ao Estado, sob responsabilidade da Secretaria de Turismo (Setur). A restauração deve ser concluída até o fim do ano.

 “O Comitê de Governança foi constituído em 2015, no intuito de criar gestão sustentável do complexo arquitetônico fortificado originário do século XVII e que ocupa o Morro”, acrescenta o diretor do Ipac. Segundo ele, a primeira etapa, de 2010 a 2014, realizou prospecções arqueológicas, monitoramento e consolidação da muralha do forte.

 Vinculado à Secretaria de Cultura do Estado (Secult), o Ipac participa desde o início do projeto com orientação técnica especializada, educação patrimonial e plano museológico. “Coletamos ainda subsídios para a criação do Plano Museológico, fundamental para qualquer equipamento museal”, explica a museóloga e coordenadora de Editais do Ipac, Ana Coelho, também presente na reunião. 

Parcerias

 O diretor do IPAC destaca as parcerias que o órgão tem feito, como prefeituras, outros entes públicos e privados. “Criamos modelos de parcerias com o IDES, prefeituras baianas, universidades, organizações não-governamentais, paróquias de igrejas, comunidades e associações que desenvolvem trabalhos locais, com os quais o Ipac possa agregar valor e contribuições em benefício da política pública de proteção ao patrimônio cultural e à museologia baiana”, lembra João Carlos.

 O Ipac detém expertise na área museológica. Em Salvador, é responsável pelo Museu de Arte Moderna (MAM), Palacete (Graça), Museu de Arte (Corredor da Vitória), Passeio e Palácio da Aclamação (Campo Grande). No Pelourinho, o Centro Cultural Ferrão, museus Tempostal e Udo Knoff, além da Praça das Artes. No interior, Convento dos Humildes (Santo Amaro), Parque Castro Alves (Cabaceiras) e Museu Wanderley (Candeias).

Frio atinge parte do Nordeste, mas massa polar não deve influenciar temperaturas

A massa de ar frio vinda do Sul que vem avançando pelo país pode provocar queda nas temperaturas de algumas regiões, sobretudo no Centro-Oeste e Sudeste. O Nordeste também poderá sentir os efeitos, no entanto, com menos intensidade e de forma mais rápida. As temperaturas na região já sofreram algumas quedas, mas em função de um outro fenômeno climático.

 Segundo a meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) Nordeste, Cláudia Valéria, a região “já vem sentindo uma leve queda nas temperaturas”, principalmente devido ao sistema de pressões no Oceano Atlântico. “A massa de ar frio que vem do Sul não fará tanta diferença nos termômetros do Nordeste", avalia.

 Na Bahia, algumas cidades localizadas na Chapada Diamantina e nas regiões Oeste e Sudoeste do estado sentem o frio com mais intensidade. Segundo Cláudia Valéria, algumas cidades chegaram a registrar temperaturas inferiores a 10ºC . Os termômetros de Santa Rita de Cássia, no Oeste baiano, chegaram a 9,4ºC. Em Vitória da Conquista, no Sudoeste do estado, a mínima foi de 9,6ºC.

 Na capital, Salvador, as temperaturas mínimas devem chegar a 20ºC durante a semana. As máximas ficarão entre 27ºC e 28ºC, a partir de hoje (18) . O céu nublado pode provocar chuvas fracas e de pouca duração.

 Massa polar

 O meteorologista do Inmet, Mamedes Luiz Melo, explica que a massa de ar polar que veio do Sul do país está se deslocando para o Oceano Atlântico, mas ainda pode causar queda de temperatura sobretudo na região Sudeste, em locais como Zona da Mata Mineira, Espírito Santo e Rio de Janeiro. Os efeitos da mesma massa já foram sentidos em alguns estados da região Norte, de onde vem se afastando. “No Nordeste essa massa de ar frio quase não fará efeito, o máximo que pode acontecer é uma aproximação no Sul da Bahia, na região de Ilhéus, até a próxima quinta-feira (20), mas com menos intensidade e com passagem rápida”, aponta Melo.

 Sem chuvas na Bahia 

 Ainda de acordo com as previsões do Inmet na Bahia, o estado continua sem previsão de chuva para a maior parte do território. O tempo permanece nublado e instável, com pouca chuva em algumas partes, mas sem volume. “Esse período sem chuva é comum nesta época do ano, não é algo novo. O estado da Bahia é grande e a chuva ocorre com mais frequência na parte Centro-Leste do estado, mais próxima ao litoral. Já na parte Centro-Oeste, são comuns os grandes períodos de estiagem, diferente de grande parte do Nordeste do país”, explica a meteorologista Cláudia Valéria.

 A falta de chuva tem provocado grandes períodos de desabastecimento em algumas cidades da Bahia. O Ministério da Integração Nacional reconheceu, ontem (18), a situação de emergência em seis municípios baianos: Belo Campo, Crisópolis, Ibipitanga, Remanso, São Domingos e Teofilândia. Também por falta de chuva, o órgão federal reconheceu a situação de emergência nas cidades mineiras de Coração de Jesus, Jacinto, Mata Verde e Medina. No Piauí, a situação foi a mesma para o município de Pedro II.
Fonte: Agência Brasil